Ela Deveria Ter Cuidado Desse Bebê, Mas Preferiu Matá-lo

As babás normalmente são contratadas para cuidar de crianças, entender as necessidades desses seres normalmente indefesos e saciar suas vontades.

Mas, como todo ser humano, as pessoas tem um temperamento em seus comportamentos e a mudança de comportamento pode deixar tudomuito perigoso, especialmente com as babás. Foi o que aconteceu com essa babá no estado de Washington, nos Estados Unidos. Depois de ser contratada para cuidar de uma criança de 4 meses enquanto seus pais estavam no trabalho, ela teve um ataque de nervos que acabou ocasionando uma tragédia.

A babá de 24 anos Cheyann estava cuidando de Kailynn, além de sua própria filha que estava bem mal-humorada naquele dia.

Cheyann deliberadamente bateu na criança com uma força suficiente para afetar sua coluna vertebral. Os médicos concluíram que o machucado fez com que o diafragma do bebê ficasse preso e ocasionou falta de ar para a criança respirar. O pobre bebezinho teve morte cerebral três dias depois do incidente

Cheyann foi presa, mas alegou ser inocente em seu julgamento

Os jurados, entretanto decidiram que ela era na verdade culpada, por não ter medido seus atos já que escolheu uma profissão que normalmente passa por cuidados de pessoas que são incapazes de se defender.

A garota foi condenada por 2 anos de cadeia pelo assassinato de Keilynn. 

Muito trágico não é? Nossos corações estão com a família da criança, nossos verdadeiros sentimentos à ela.

Comentários do Facebook

Login

Welcome! Login in to your account

Remember me Lost your password?

Lost Password